Tag Archive: Janelas de correr SCHEID



Porta em fabricação, com 4 caixilhos de correr para vidro, 2 caixilhos de correr para tela mosquiteira e persiana de enrolar, em alumínio em 3 esteiras, todas com motorização. Medidas: 480 x 240

 


Idem, já com as persianas instaladas.


Idem, pronta para entrega. Madeira freijó. Medidas: 480 cm x 240 cm.


Porta de abrir em duas folhas, madeira maciça, espessura 55 mm.
Detalhes:
Dimensões de cada folha 110 x 330 cm.
Madeira Cedro Rosa, com acabamento em verniz.
Porto Alegre (RS).

Porta de abrir em uma folha, com almofada inferior e vidros superiores, modelo Isabel, madeira maciça, espessura 42 mm.
Detalhes:
Dimensões: 110 x 210 cm.
Madeira Cedro Rosa, com acabamento em impregnante transparente.
Ferragens Baldwin (USA) em latão polido.
Canela (RS), Condomínio Bosque da Serra.

Porta de abrir em duas folhas, madeira maciça, espessura 55 mm, com colunas.
Detalhes:
Largura do conjunto = 386 cm
Altura do conjunto = 546 cm
Dimensões de cada folha de abrir: 110 cm x 290 cm
Madeira Cedro Rosa, com acabamento verniz.
Xangri-lá (RS), Condomínio Ilhas Park.

Porta de abrir em uma folha modelo Colli, 42 mm, com uma lateral para vidro fixo.
Madeira Freijó, acabamento verniz.
Detalhes:
Folha de porta com 90 cm x 210 cm.
Madeira Freijó, acabamento verniz.
Xangri-lá (RS), Condomínio Lagos Park.

Porta de abrir em uma folha modelo Colli, 42 mm, com duas laterais de abrir para vidro.
Detalhes:
Foha de porta com 90 x 210 cm.
Madeira Freijó, acabamento impregnante incolor.
Xangri-lá (RS), Condomínio Lagos Park.

Porta de abrir em duas folhas modelo Adall, 42 mm, instalada em estrutura de madeira pré-existente na obra.
Detalhes:
Dimesões de cada folha 80 x 220 cm.
Madeira Freijó, acabamento verniz.
Porto Alegre (RS).

Porta de abrir em duas folhas, modelo Luiza, 42 mm.
Detalhes:
Dimensões de cada folha 90 x 210cm.
Madeira Freijó, acabamento verniz.
Gramado (RS).

Porta de abrir em duas folhas, modelo Heloisa, 42 mm, com laterais.
Detalhes:
Dimensões de cada folha 90 x 210 cm.
Madeira Freijó, com pintura branca em esmalte sintético.
Porto Alegre (RS).

Porta de abrir em duas folhas, modelo Adall, 42 mm, com laterais.
Detalhes:
Dimesões de cada folha 80 x 220 cm.
Madeira Freijó, acabamento impregnante incolor.
Canoas (RS).

Porta de abrir tipo PIVOTANTE, em uma folha modelo Jean, 65 mm.
Detalhes:
Folha de porta com 140 x 230 cm.
Madeira Freijó, acabamento impregnante incolor.
São Paulo (SP).

Madeira Freijó, com pintura em esmalte sintético.
Canela / RS.

Porta de entrada principal do Edifício Brownstone, construído pela Uma Incorporadora, Rua Luciana de Abreu, 21, Porto Alegre (RS).
Detalhes:
Dimensões de cada folha 110 x 320 cm.
Em Freijó natural, com acabamento em impregnante.

Porta de entrada principal. Pintura branca pela face externa, verniz pela parte interna.


Porta de correr embutida entre paredes.


Detalhe guarnição e sócolo.


Detalhe guarnição e encabeçamento


Porta interna em Freijó com lustro natural. Contorno de 42 mm, com almofadas e molduras, com guarnições especiais, com sócolos e encabeçamentos.

Foto mostra uma das oito portas P-16, já na obra, após pintura, antes da instalação. Esta porta mede 2,80 m de largura x 5,90 m de altura. Todas as folhas abrem.

A foto mostra uma porta P-16, já instalada no vão. As esquadrias atualmente existentes permanecem. As novas são colocadas a 10 cm de afastamento das antigas, com vidros de 12 mm de espessura, de forma a proporcionar uma elevada atenuação acústica.

A reforma dos salões do Copacabana Palace Hotel foi concluída em agosto/2006. Vista parcial de um dos salões. A porta vista ao fundo mede 3,80 m de largura x 8,50 m de altura. Todas as folhas abrem. Os vidros são laminados de 12 mm, para melhor atenuação acústica. As ferragens empregadas procedem da Alemanha, dos Estados Unidos e de Porto Alegre.

Uma das portas dos banheiros dos salões.

Uma das portas internas, em duas folhas, com almofadas, com isolamento acústico.

Vista geral da obra

Janela maximar

Porta de correr, com persianas de enrolar

Edifício Frederic Chopin, em São Paulo, SP, obra da Construtora São José.

Hamburgueria Nacional, SP.

Hamburgueria Nacional, SP.

Hamburgueria Nacional, SP.

Hamburgueria Nacional, SP.

Você pode escolher:

Só para vidros, com persianas, com venezianas, ou com tampos ventilados.
Qualquer opção a Scheid faz. E faz bem feito.

LINHA MS-42 – com caixilho de 42 milímetros
Ideal para quem pretende usar vidros duplos de até 20 mm de espessura.

 

LINHA ST-35 – com caixilho de 35 milímetros
Ideal para quem pretende usar vidros simples de até 8 milímetros de espessura.

 

MODELO BÁSICO – MSA-42 ou STA-35 – só para vidros

Em dois caixilhos de 42 (35) milímetros de espessura, de correr tipo trespasse.

Opções:

–   Inclusão de caixilho adicional de correr para tela.
–  Espaço para receber grade fixa ou pantográfica.

Janela de correr tipo trespasse, em dois caixilhos para vidro. Funcionamento suave por meio de trilho superior de alumínio e roldanas com rolamentos.
Vedação mediante o emprego de perfis de borracha nos batentes e fecho retrátil central.

O modelo da foto apresenta os caixilhos subdivididos por cordões de madeira.
Na parte externa, caixilho adicional de correr com tela mosquiteira.

 

MSP-42 ou STP-35 – com proteção externa em persianas

Idem MSA-42 (STA-35), com preparo para receber persiana de enrolar.
Marco duplo para embutimento do recolhedor de cadarço.
Tampa da caixa superior removível para facilidade de manutenção.

Persiana de madeira Freijó, com articuladores em aço inoxidável.
Com eixo de alumínio octogonal, criando a possibilidade de instalação de motor elétrico para acionamento da persiana.
O motor elétrico pode ser acionado por botoeira ou por controle remoto.
Opcionalmente pode ser equipada com persianas de madeira, alumínio ou PVC.

 

MSV-42 ou STV-35 – com proteção externa em venezianas

Idem MSA-42 (STA-35), com quatro folhas de venezianas sanfonadas.

Venezianas sanfonadas, com cremonas, e com varas embutidas.

Folhas sanfonadas tipo tampos ventilados, que oferecem mais segurança (Opção MST-42 ou STT-35).

Muito se fala sobre o problema da manutenção das esquadrias de madeira.
Na verdade, a única desvantagem das esquadrias de madeira está na manutenção da pintura.
Os acabamentos incolores disponíveis apresentam durabilidade limitada, necessitando de  repintura após algum tempo.
Esta desvantagem se reduz muito, quando ao invés de aplicar acabamentos incolores, opta-se por pinturas pigmentadas.

A madeira apresenta as seguintes vantagens para a fabricação de esquadrias:

01. Durabilidade. Existem portas seculares por todo o mundo, abrindo e fechando diariamente.
02. A beleza natural incomparável da madeira.
03. A possibilidade de pintura em cores diversas.
04. A possibilidade de projetar esquadrias especiais.
05. Isolamento termo-acústico.
06. Facilidade de manutenção.
07. Segurança – Possibilidade de instalação de grades metálicas fixas ou móveis (pantográficas).
08. Possibilidade de instalação de telas mosquiteiras encaixilhadas ou de enrolar.
09. Esquadria estruturada, permitindo a instalação sem os vidros.
10. Maiores opções de escolha de modelos.
11. A madeira é o material de construção ecologicamente mais correto.

Exclusividade para clientes da Scheid

JANELAS E PORTAS COM PERSIANAS EXTERNAS DE ENROLAR, DE MADEIRA

Em 1984, a Scheid em atenção a inúmeros clientes, voltou a produzir persianas externas de enrolar, em madeira Freijó. Desde então, dezenas de obras tem sido construídas com as esquadrias e as novas persianas da Scheid.

As janelas e portas com persianas de madeira oferecem vantagens sobre as concorrentes, de alumínio ou pvc:
- construídas com madeira maciça proporcionam maior isolamento térmico e acústico.
- quando 100% fechadas proporcionam o blecaute (escurecimento total).
- quando parcialmente abertas, a passagem de luz e ar entre as talas é de 10 mm, muito superior ao proporcionado pelas concorrentes de pvc ou alumínio.
- fornecidas em madeira natural (Freijó) podem ser envernizadas, ou pintadas em qualquer cor.
- durabilidade superior as concorrentes de alumínio ou pvc, desde que conservadas adequadamente.
Existem persianas de madeira com mais de 50 anos, funcionando perfeitamente.

Os clientes da Scheid podem optar por persianas com o tradicional funcionamento manual, mediante emprego de cadarço, ou o moderno sistema de funcionamento motorizado. A motorização pode ser comandada por botoeira ou por controle remoto.
Proprietários de esquadrias fabricadas pela Scheid agora também podem motorizar as suas persianas.
Scheid presta este serviço.

A foto acima mostra em detalhes a persiana de madeira Scheid :
- talas em Freijó, espessura 14 mm, proporcionam melhor isolamento térmico e acústico.
- abertura entre talas de até 10 mm, propocionam maior ventilação.
- articuladores em aço inoxidável proporcionam maior durabilidade.
- tala terminal de 12 cm, com preparo para fecho tipo cremone (opcional).

Catania